Polícia Civil do Estado do Acre

Delegado-Geral e Polícia Judiciária da Força Nacional dialogam sobre o fortalecimento da Delegacia de Homicídios no Acre

Na manhã desta terça-feira, 30, o Delegado-Geral de Polícia Civil do Acre (PCAC), Dr. Henrique Maciel, juntamente com o diretor do Departamento de Polícia da Capital e do Interior (DPCI), Pedro Paulo Buzolin, conduziram uma importante reunião com a equipe da Polícia Judiciária da Força Nacional (PJFN). O encontro teve como foco central o fortalecimento da atuação da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), visando intensificar as ações de repressão à prática de homicídios na capital.

Durante a reunião, foram discutidas estratégias para aprimorar a capacidade operacional da DHPP, buscando métodos inovadores para investigações mais eficazes e ágeis. A Polícia Judiciária da Força Nacional, reconhecida por sua expertise em situações de emergência e segurança pública em todo o país, colaborará ativamente com a PCAC no combate aos crimes de homicídios.

O Delegado-Geral, Dr. Henrique Maciel, ressaltou a importância da parceria e cooperação entre as instituições. “Estamos concentrando esforços para fortalecer a Delegacia de Homicídios, uma vez que a redução dos índices de homicídios é uma prioridade do governo. A colaboração da Polícia Judiciária da Força Nacional será essencial para alcançarmos resultados efetivos e garantirmos a segurança da população”, afirmou o Dr. Maciel.

O diretor do Departamento de Polícia da Capital e do Interior, Pedro Paulo Buzolin, complementou destacando a importância da integração de forças para enfrentar os desafios da segurança pública. “Estamos unindo esforços para potencializar nossas ações e recursos na Delegacia de Homicídios. Com a expertise da Polícia Judiciária da Força Nacional, poderemos realizar investigações mais complexas de maneira mais eficiente, fortalecendo a justiça e promovendo a paz em nossa comunidade”, afirmou Buzolin.

A parceria estratégica entre a Polícia Civil do Acre e a Polícia Judiciária da Força Nacional representa um passo significativo na busca por soluções assertivas no combate à criminalidade, promovendo a segurança e a tranquilidade para a população acreana.

Assessoria/ PCAC

contador de visitas para blog